Código de Autoria 

Reconhecendo as mudanças rápidas em nosso tempo da prática da pesquisa e escrita da história, e frente aos desafios que a coautoria coloca para a nossa área, onde a tradição da autoria individual marca a história da historiografia, Varia Historia apresenta alguns critérios para a submissão de artigos em coautoria. Para tanto, consultamos recomendações de publishers e instituições como International Committee of Medical Journal Editors (ICMJE), Council of Science Editors, Committee on Publication Ethics (COPE), Elsevier, entre outros, que têm guiado periódicos internacionais de excelência.

A autoria é uma grande responsabilidade, e não pode ser atribuída de forma leviana.  Várias áreas definem critérios, e a História deve buscar princípios, normas e práticas de acordo comsuas especificidades.

O crédito indevido de autoria é antiético, desvaloriza a contribuição dos autores que realmente trabalharam no artigo,  prejudica  jovens investigadores, e reforçahierarquias acadêmicas estratificadas.

Dentro da tradição autoral da área,  instituições como a ANPUH, Comitê de História da CAPES e o Fórum de Coordenadores das Pós-Graduações em História têm rejeitado a inclusão de coautoria por orientadores em trabalhos resultantes da pesquisa de mestrado e doutorado de seus alunos.  Varia Historia apoia integralmente esse critério.

A coautoria é legitima quando todas as condições abaixo encontram-se preenchidas por todos os que assinam o artigo:

1. Concepção do problema/argumento, condução teórica e metodológica da análise.

2. Análise das fontes e sua interpretação.

3. Participação na escrita e na revisão do texto.

4. Compromisso com todas as práticas envolvidas na produção do artigo (questões éticas, originalidade, inexistência absoluta de plágio, uso devido de imagens e ilustrações, etc).

5. Revisão e aprovação do texto final a ser publicado, com assinatura do Termo de Compromisso.

Colaboradores que não preencham todos esses requisitos devem ser citados nos agradecimentos.

Todos os autores devem ser indicados de forma clara no momento da submissão. Durante o processo de julgamento, mudanças na coautoria devem ser avaliadas por nosso comitê e o artigo pode ser rejeitado, a qualquer momento.

A ordem dos nomes de autores será decidida pelos proponentes, sem interferência da revista.

Varia Historia se reserva o direito de enviar um formulário a todos os autores pedindo detalhes sobre a participação de cada um no trabalho, logo após a submissão.